Voltar

Informativo Diário

27/11/2020

SEM CHICAGO, MERCADO INTERNO DE SOJA TEM DIA LENTO E PREÇOS NOMINAIS

Na quinta-feira, o mercado interno de soja ficou pouco agitado nas diferentes praças de negociação do país. Em virtude do feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos, a soja ficou sem seu principal referencial e não houve movimentação relevante ao longo do dia. O dólar encerrou com leve alta, mas as cotações domésticas ficaram predominantemente inalteradas e o foco dos agentes permanece nos trabalhos de plantio.

RS: cotações nominais e mercado lento. Na região portuária do estado, para embarque e pagamento em meados de julho/21, havia possibilidade de negócios até R$ 148 por saca. No interior do estado, havia possibilidade de negócios entre R$ 152 e R$ 153 por saca FOB para embarque e pagamento em meados de dezembro/janeiro, porém sem contrapartida de vendas.

PR: sem alteração nos preços e mercado vazio de ofertas. Para embarque em março/21 e pagamento no final de abril/21, indicações de compra na faixa de R$ 147 por saca CIF na região portuária. Na região oeste, indicações de compra até R$ 162 por saca no disponível, porém sem contrapartida de venda.


CHICAGO (CME/CBOT) Na Chicago Board of Trade (CBOT), não houve negociações devido ao feriado nacional norte-americano de Ação de Graças. As negociações retornam ao normal nesta sexta-feira (27).

• Devido ao feriado de Ação de Graças, não houve sessão na quinta, 26, na Bolsa de Mercadorias de Chicago (CBOT). O mercado reabre amanhã, mas com uma sessão mais curta, fechando às 15hs. A tendência é de mais um dia de ajustes e de poucos negócios.

• Destaque para a divulgação do relatório semanal para as vendas líquidas norte-americanas, que será divulgado às 15hs pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). O mercado aposta em número entre 750 mil e 1,4 milhão de toneladas.

• Outros fatores que merecerão atenção amanhã: indicações sobre a demanda americana, os rumores de possíveis cancelamentos de compras chinesas de produto dos Estados Unidos e a evolução do plantio no Brasil e na Argentina, em meio à falta de chuvas.


CHINA O termo pode ainda ser desconhecido no universo econômico, mas a estratégia de dupla circulação (dual circulation, em inglês), que deve caracterizar a próxima fase do desenvolvimento da China a partir de 2021, dificilmente será uma palavra-chave de curta duração.


CÂMBIO O dólar comercial fechou em alta de 0,31% no mercado à vista, cotado a R$ 5,3370 para venda, em sessão de forte volatilidade em meio ao feriado de ação de graças nos Estados Unidos, o que refletiu em poucos negócios e liquidez reduzida. A moeda, que operou com sinais positivo e negativo, ainda se beneficiou com a entrada de mais fluxo de recursos estrangeiros.


Fonte: CMA Group - Safras & Mercado.





Rod. BR 373 - km 400 | Candói - PR | Brasil - CEP: 85.140-000
© 2021 | Todos os Direitos Reservados. Ultramax