Voltar

Informativo Diário

13/12/2018

COM FORTE QUEDA DO DÓLAR, SOJA TEM PREÇOS MISTOS E NEGÓCIOS ESCASSOS

Na quarta-feira, o mercado interno de soja manteve-se pouco agitado nas diversas praças de negociação do país. As cotações permaneceram perto da estabilidade e poucos negócios foram realizados ao longo do dia. O dólar caiu forte e Chicago subiu, definindo o ritmo lento da comercialização.

RS: sem alteração nas cotações e mercado em ritmo lento.

PR: dia de preços mistos e poucos negócios reportados.


CHICAGO (CME/CBOT) Na Chicago Board of Trade (CME/CBOT), os contratos futuros do complexo soja fecharam em alta no grão, no farelo e no óleo nesta quarta-feira. Nas posições spot, ganhos de 0,54% no grão, de 0,61% no farelo e de 0,31% no óleo.

• Os rumores de que a China voltou a compra produto americano assegurou os ganhos. Mas o mercado fechou abaixo das máximas do dia.

• No início da manhã, os preços subiram com a declaração feita pelo presidente dos Estados Unidos Donald Trump que os chineses haviam adquirido um enorme volume de produtos agrícolas americanos. Ao longo do dia, os boatos davam conta de que 500 mil toneladas foram adquiridas, colocando os contratos nos melhores níveis em quatro meses e meio.

• O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) anunciou duas vendas de soja americana pelos exportadores privados. Uma delas envolvendo 130,6 mil toneladas para o México e outra de 110 mil toneladas para destinos não revelados. Na leitura do mercado, este segundo destino seria a China.


CHINA A Casa Branca voltou a adiar a segunda rodada de pagamentos de um pacote de auxílio de 12 bilhões de dólares a agricultores prejudicados pela disputa comercial entre a China e os Estados Unidos, em meio a otimismo de que o país asiático retome em breve as suas compras de soja norte-americana, disseram três fontes com conhecimento da questão à Reuters.


CÂMBIO O dólar comercial encerrou em queda de 1,73%, negociado a R$ 3,8530 para venda, interrompendo uma sequência de seis altas seguidas, influenciado pela busca por risco que prevaleceu no exterior após sinais de Estados Unidos e China de que pretendem seguir com acordos tarifários, trazendo alívio quanto à guerra comercial nos últimos dias.


Fonte: CMA Group - Safras & Mercado.





Rod. BR 373 - km 400 | Candói - PR | Brasil - CEP: 85.140-000
© 2021 | Todos os Direitos Reservados. Ultramax