Voltar

Informativo Diário

24/03/2021

COTAÇÕES OSCILAM DE FORMA MISTA EM UM MERCADO AINDA LENTO

Na terça-feira, o mercado interno teve uma sessão com pouca agitação nas principais praças de negociação do país. Apesar de o dia ter sido novamente pouco agitado, foram registrados vários negócios em praças do RS, SP e MG, embora os volumes envolvidos tenham permanecido bastante restritos. As cotações oscilaram de forma mista, sem viés definido. Os players permanecem em compasso de espera por uma melhor definição dos rumos de Chicago e do câmbio. No lado fundamental interno, as atenções permanecem voltadas para os trabalhos de colheita e para a entrega de contratosfirmados previamente.

RS: as cotações oscilaram de forma mista em um mercado com alguns negócios reportados, mas sem grandes volumes. Na região portuária do estado, para embarque e pagamento em meados de junho/21, indicações de compra até R$ 171,50 por saca CIF, enquanto no spot a indicação fica em R$ 170,50. No interior do estado, comprador indicando entre R$ 164,5 e R$ 165 por saca FOB para embarque e pagamento curtos.

PR: mercado com preços estáveis e somente nominais, sem reporte de novos negócios. Para embarque e pagamento em meados de abril/21, indicação de compra a R$ 169 por saca CIF na região portuária. Na região oeste, indicação de compra a R$ 159,50 por saca no disponível.


CHICAGO (CME/CBOT) Na Chicago Board of Trade (CME/CBOT), os contratos futuros do complexo soja fecharam em alta no grão e no farelo e mistos no óleo na terça-feira. Nas posições spot, ganhos de 0,40% no grão, 0,55% no farelo e 1,15% no óleo. No melhor momento do dia, o contrato maio/21 do grão atingiu a máxima de US$ 14,3500 por bushel. Ao final da sessão, trocou de mãos a US$ 14,1425 por bushel.

• O mercado iniciou o dia em baixa, mas foi recuperando terreno ao longo do dia. Pela segunda sessão seguida, o óleo de soja liderou os ganhos do complexo.

• Com o aperto nos estoques mundiais de óleos vegetais, os contratos estão apresentando bons ganhos, que hoje se estenderam ao farelo e ao grão. O clima na América do Sul ainda merece atenção do mercado, preocupado com o atraso na colheita no Brasil e com o potencial produtivo da safra argentina.


CHINA Os Estados Unidos, União Europeia (UE), Reino Unido e Canadá anunciaram na segunda-feira sanções contra autoridades da China por violações de direitos humanos na província de Xinjiang. Pequim respondeu rapidamente com medidas punitivas contra a UE.


CÂMBIO O dólar comercial fechou com ligeira queda de 0,03% no mercado à vista, cotado a R$ 5,5160 para venda, em sessão de forte volatilidade com a moeda reduzindo as perdas na reta final dos negócios, chegando a ficar no campo positivo em linha com uma piora no exterior. O que levou as moedas de países emergentes a caírem mais de 1%. Aqui, a notícia de que o presidente Jair Bolsonaro fará um pronunciamento na TV e no rádio às 20h30 deixou investidores cautelosos, em dia também de ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).


Fonte: CMA Group - Safras & Mercado.





Rod. BR 373 - km 400 | Candói - PR | Brasil - CEP: 85.140-000
© 2021 | Todos os Direitos Reservados. Ultramax